top of page

BLOG ALIANÇA FRANCESA  gOIÂNIA

O Que É Ter Fluência Em Uma Língua?


Quando se fala em aprender um novo idioma, o valor que a maioria das pessoas procuram na hora de escolher uma instituição de ensino é garantia de atingir a famosa “fluência”. Mas eu te pergunto: o que é ter fluência em uma língua?


É muito importante tomar cuidado para não considerar fluência a habilidade de se comunicar sem cometer erros. Isto porque, de acordo com este parâmetro, as vezes não seríamos fluentes nem na nossa língua nativa, já pensou?


Basta considerar que as vezes o conhecimento que temos da nossa língua nativa é suficiente para que desempenhemos nossas atividades diárias, mas se sentarmos para ler uma obra literária de José de Alencar ou acadêmico, a gente se pergunta: será se fui realmente alfabetizado?


Estas situações nos dão uma boa noção de onde devemos começar a ter o nosso entendimento sobre fluência. Para nos dar uma perspectiva mais diversa, vamos dar uma olhada no que os dicionários nos dizem sobre o que o termo significa:

  1. Facilidade, clareza no falar ou no escrever. (Fonte: Dicionário Michaelis)

  2. Facilidade, clareza com que alguém se expressa. (Fonte: Dicionário Aulete Digital)

  3. Facilidade, espontaneidade no falar, tendo fluência em diversos tipos de línguas de várias naturalidades.(possuir, conhecimento sobre a língua inglesa). (Fonte: Dicionário Informal)

Veja bem que “facilidade”, “clareza” e “espontaneidade” são pontos muito marcados nestas definições. E elas fazem sentido, porque são boas bases para qualquer falante (escritor) estabelecer um contato com outra pessoa.


Agora, considerando o estudo de idiomas, se eles fossem os critérios máximos para definir se alguém tem, ou não, fluência em um idioma, bastaria que o educador conseguisse ensinar o aluno a expressar com facilidade, clareza e espontaneidade todo o conteúdo de um nível ou até mesmo a uma situação específica (pedir direções no trânsito ou apresentar um trabalho acadêmico), e a promessa estaria cumprida.


Mas, afinal, o que é ter fluência em uma língua? Até o momento, a questão ainda está um pouco vaga, entendemos. Ainda mais quando, o que pode ser fluência para mim, pode não ser para você e o domínio do idioma de uma situação para outra pode variar.


A fim de deixar para vocês uma referência de reflexão para se sentirem mais seguros sobre o seu aprendizado, vamos deixar listadas algumas atitudes que são bons indicativos de que você está a caminho da fluência.


1. Chega câmera lenta

No começo, parece que todo mundo fala na velocidade de um narrador de futebol. A fim de ajudar, as pessoas tentar falar um pouco mais devagar para que você consiga entender. Então, quando isto não for mais necessário, é um ótimo indicativo de que você está no “caminho da fluência”.


2. Sem perder a piada

Algo que é muito significativo e que mostra um nível de imersão cultural muito importante no processo de aprendizado de um novo idioma é entender humor. Quando estamos mais confortáveis no uso do idioma não apenas entendemos os trocadilhos e piadas, mas as usamos com facilidade no nosso cotidiano.


3. Na maciota

As conversas diárias, como aquelas nas filas, na ida ao médico, para resolver pequenas burocracias do dia-a-dia ficam mais naturais. Não é necessário um foco muito fixo ou uma reflexão sobre o que falar, as palavras simplesmente saem, e as pessoas conseguem interagir contigo e te ajudar nas suas solicitações.


4. Sem censuras

Um tema geralmente muito delicado nas salas de aula, mas impossível de fugir do dia-a-dia: os palavrões. Apesar do desconforto que algumas pessoas possam ter em usar, eles fazem parte do cotidiano e as vezes são usados até em conversas amigáveis, portanto quando você passa a entender o que eles significam e quando usar é um indicativo de naturalidade na sua fala.


5. Auto corretor ON!

Lembrando que mesmo depois de anos falando o idioma a língua (ou a mão) pode tropeçar nas sílabas e você pode cometer erros, mas eles não serão mais despercebidos! Esta consciência é uma habilidade muito bacana que mostra seu domínio e conhecimento da língua.


A proposta deste artigo, não é, em momento algum, geral um conceito ou entendimento definitivo sobre o tema. Porque o mais importante aqui, que queremos que você considere ao longo dos seus estudos de um novo idioma é: o processo.


O começo é sempre a etapa mais difícil e os fatores que agilizam ou atrasam o processo de aprendizado variam de aluno para aluno. Então, arrisque-se, a língua é uma ferramenta para ser usada, da forma que você puder, com os recursos dela que você tiver a sua disposição no momento e isso basta.


992 visualizações0 comentário
bottom of page